Como Fazer Maquiagem para Disfarçar as Espinhas

É fato que as espinhas escolhem de propósito os dias mais inoportunos para pipocarem na pele do rosto. Em um domingo chuvoso e preguiçoso, perfeito para ficar em casa, não há sinal delas, mas em dias de festas e baladas imperdíveis ou, na manhã das fotos para o álbum de formatura, lá estão as benditas, povoando rostos preocupados.

A boa notícia é que esse problema tem solução. A espinha não vai sumir de uma hora para outra, mas é possível disfarçá-la com truques de maquiagem. O segredo está em, antes de besuntar o rosto todo com base ou corretivo, manter a pele hidratada. A pele ressecada não pode ser escondida com maquiagem. Pelo contrário, o problema aparece mais.

Depois de cuidar da hidratação você pode aplicar base em todo o rosto e cobrir as espinhas com corretivo ou, se achar que a base pode ser dispensada, vale usar só o corretivo de maneira pontual. Tem que ser muito detalhado, para não fazer a espinha aparecer mais em vez de escondê-la.

O corretivo usado deve ser no mesmo tom da pele. Mas, se tiver um mais claro, tudo bem, desde que você passe pó no rosto todo depois. E na hora de escolher a textura do produto, dê preferência aos cremosos. O corretivo líquido é melhor para quem tem mais de 40 anos, porque marca menos, mas também tem menos cobertura. E não gosto daqueles corretivos em formato de batom porque são muito secos.

No entanto, é preciso cuidado, afinal, a maquiagem pode agravar a acne. Se for oleosa, pode causar mais obstrução dos poros. Por isso, o ideal é procurar produtos adequados à pele acneica. Existem diversos corretivos secativos no mercado brasileiro.

Caso a acne esteja em um grau mais avançado e em várias partes do rosto, só base e corretivo não ajudarão muito. E, com essas dicas simples, você esconde a acne e mostra somente o que importa: uma bela maquiagem e uma pele perfeita…

Como Remover as Luzes de Seus Cabelos

As luzes nos cabelos são um estilo que nunca passará de moda e é bem fácil de conseguir. Por vezes as luzes não ficam de seu agrado ou a cor escolhida não correspondeu às suas expetativas e a solução será a remoção das luzes. Saiba como tirar as luzes do cabelo:

– Espere pelo menos três a quatro semanas depois de feitas as luzes em seu cabelo, antes de as tentar remover, para evitar danificar o seu cabelo. Se você fez luzes em seu cabelo há pouco tempo e acha a cor de resultado pouco atraente ou não é o que você estava esperando, procure aconselhamento profissional de sua cabeleireira sobre as melhores formas mais imediatas para corrigir o problema.

– Determine o grau de dificuldade relativamente à remoção de suas luzes. Se você as fez em um tom mais leve do que sua cor natural do cabelo ou tem apenas algumas luzes em torno de seu rosto, provavelmente você vai ser capaz de lidar com isso sozinha. Se você tem luzes bem grossas, multicoloridas ou loiras ou se as luzes são consideravelmente mais claras do que a sua cor normal, o melhor mesmo é que suas luzes sejam removidas profissionalmente.

– Retire suas luzes em casa usando uma cor de cabelo semi-permanente ou permanente, com um tom que esteja perto de seu tom natural. Para saber qual o tom certo, dirija-se a uma loja de produtos de beleza e compare o seu cabelo que não está colorido com as das amostras de tinturas da loja. Siga atentamente as instruções do fabricante para obter os melhores resultados.

– Se as suas luzes são mais drásticas ou complexas, visite um salão de cabeleireiro e consulte com um estilista ou colorista para ver quais são as opções que tem para a remoção de suas luzes. Essa é a melhor escolha para você caso não esteja confortável com ajustes de sua cor do cabelo em casa.

– O seu colorista pode modificar a cor do cabelo com o processo inverso, pintando mechas de tom mais escuro, ou colorindo todo o cabelo com apenas uma cor. Enquanto o custo é significativamente maior do que a remoção das luzes em casa, a paz de espírito de em ter o seu cabelo cuidado por um profissional pode valer bem a despesa.

– Condicione o seu cabelo regularmente após a remoção das luzes, para manter seus fios fortes, brilhantes e hidratados. Procure condicionadores específicos para luzes ou cabelos tingidos.

Dessa forma você volta a cor natural sem prejudicar os fios…

Saias de Renda Deixam as Mulheres Maravilhosas

As saias de renda tem sido bastante aceitas entre as mulheres, independente de se tratar de inverno ou verão, apesar que nos dias frios não são muito indicadas, mas se você ganhou, ou esta apaixonada por uma linda saia de renda, mas não sabe como usá-la, veja agora mesmo algumas dicas que poderão fazer com que esta, se torne a sua peça favorita no seu guarda roupas:

– Antes de mais nada é necessário entender, que a saia de renda poderá ser utilizada de diversas formas, independente de sua cor, sendo assim, você poderá, nos dias quentes usá-la com uma linda regatinha, assim como também uma camisete por dentro da saia, o que fará com que a sua blusa fique com um pouco mais de volume.

– É importante ressaltar que as saias de renda não são baixas, ou seja, não devem ficar abaixo da linha dos “pneuzinhos”, pois ela poderá marcar e perder a sua beleza, e o pior, ainda desvalorizar o seu corpo. Geralmente as mulheres que utilizam este tipo de saia, também podem colocar um cinto fino como acessório para deixá-la ainda mais elegante.

– Com relação aos sapatos, estes podem ser variados, visto que há mulheres que não abrem mão do seu meia pata, ou scarpin, assim como há aquelas que sentem calor nos pés e preferem uma linda e elegante sandália, e claro que não podemos nos esquecer daquelas que tem pernas longas, ou que deseja alongá-las, e então utilizam botas de salto alto e cano fino para valorizá-las, porém, para isto, é necessário que a saia fique exatamente na cintura.

– Com relação as cores, estas podem variar, sendo assim, o critério será da combinação de cores, como por exemplo, as saias brancas, poderão ser utilizadas com qualquer cor de blusa, seja ela regata, de manga curta, porém, é interessante que esta seja mais justa ao corpo para valorizar ainda mais a sua saia.

– Porém, se ela for de outras cores, como o rosa, por exemplo, para que ela fique delicada como deve ser, dê preferência para uma blusa na cor branca, ou até mesmo um rosa mais clarinho.

– Vale lembrar que não é adequado misturar as rendas, ou seja, colocar uma saia de renda, e uma blusa de renda, afinal, poderá criar uma certa poluição visual, sendo assim, dê preferência para as blusas lisas, exceto quando a renda for por exemplo nas alças ou nas costas, como um detalhe mais delicado ao seu look.

Pronto… Linda e chique…

Colete Feminino Deixa a Produção Maravilhosa

Se antigamente o uso do colete era uma exclusividade dos homens, hoje a peça se tornou um acessório indispensável no guarda-roupa feminino. Ganhando versões repaginadas e fabricadas com materiais distintos, ele é capaz de garantir o acabamento para diferentes produções.

Por isso, o colete agrada desde as modernas às mais discretas, sendo possível investir em inúmeras possibilidades de uso e combinações. Saiba mais como:

Originalmente, o colete foi desenvolvido para acomodar relógios de bolso e compor produções de “colete + terno”, sendo usado apenas por homens. Versátil e cheia de charme, a peça acabou sendo reformulada para o universo feminino, servindo como estratégia para disfarçar “gordurinhas” e dar volume aos ombros.

Capazes de combinar com diferentes gostos e estilos, os coletes podem ser verdadeiros aliados de peças como camisas, regatas, vestidos e camisetas. Cada composição, no entanto, tem os seus segredos. Quer saber como? Se joga nas dicas abaixo!

Para as modernas: coletes jeans (de preferência, com lavagens claras e até, mesmo, manchadas), com tachinhas, pelos, fivelas, bordados, usados com t-shrits e fabricados em materiais como o couro são boas apostas;

– Para as clássicas: invista no look composto por colete + camisa de tecido fino para garantir um caráter mais formal. Além disso, o colete preto básico é sempre uma boa pedida;

Para as românticas: coletes de malha, curtos, coloridos e estampados criam looks descontraídos e românticos;

– Para as gordinhas: usados sempre abertos, os modelos com corte de alfaiataria são os mais indicados, destacando ainda opções mais compridas (que alcance o cós da calça);

Para as baixinhas: a combinação de coletes acima do cós da calça + calça de corte reto é a mais aconselhável;

Para as mais novas: crianças e mulheres jovens podem – e devem – investir em looks de colete com saia e/ou vestidos soltos;

– Coletes + Acessórios: para ajudar a compor o visual, a dica é apostar em acessórios como óculos, cintinhos e chapéus, finalizando a produção com muita originalidade e estilo.

E olha que essas são apenas algumas dicas. Solte a sua imaginação e use e abuse do colete!

Como Ficar na Moda Usando Roupas Antigas

Tudo o que está na moda já fez sucesso um dia, por isso intitulamos essas peças de “clássicas”. Quem não tem no seu armário uma velha camisa branca, uma jaqueta  jeans, calça de boca larga, blusa de paetê, jaqueta de couro e muito mais? Pois é, reutilize essas roupas e entre na moda.

A moda atualmente está fazendo muitas referências às tendências que fizeram sucesso nos anos 1960 e 1970. Muitas pessoas que viveram essa época ainda estão no auge da vida e, porque não, da moda. É muito fácil você resgatar do passado peças lindas e clássicas usando-as no seu dia a dia, e o melhor, estando na moda.

A famosa calça boca-de-sino que foi ícone da moda na era dos hippies, agora voltou com tudo em 2013 com um nome um pouquinho diferente, “flare”. O importante é que a proposta é a mesma e agora os hippies também fazem parte da moda , tudo renomeado, mas igualzinho a décadas atrás. Recupere seu jeans velho e arrase.

A jaqueta de couro que tanto arrasou nos anos 1960, combinada com o jeans preto justinho e botas agora faz o maior sucesso compondo looks femininos com vestidos, saias, lenços e tudo o mais. O estilo  é um dos mais desejados e se você tem uma esquecida no seu guarda-roupa, algo como uma herança de ex-namorado, irmão ou pai, tire-a para a rua e arrase.

A jaqueta jeans é outra peça que também já fez muito sucesso nas últimas décadas, desde as mais remotas, até as mais recentes, impossível você não ter uma em casa. Se tem, então é hora de incluí-la em alguns looks ou quem sabe radicalizar tornando-a um colete jeans, que é uma super tendência em 2013.

Viu como dá pra andar na moda sem gastar nada? Basta fazer uma busca em seu armário e arrasar nas produções…

Quer Conforto? As Calças Boyfriend São a Solução

A calça boyfriend é aquela calça que parece que foi “roubada” do guarda roupa do nosso namorado que tem feito tanto sucesso e algumas celebridades estão desfilando por ai e virou uma verdadeira moda entre as adolescentes e mulheres mais antenadas no universo da moda.

Mas nem todo mundo sabe como combinar a peça e qual a roupa escolher para usar a calça boyfriend pensando nisso criamos um manual rápido e básico para você ficar estilosa e arrasar com o look aonde você for.

– As calças boyfriends que melhor vestem as mulheres são as  jeans , conseguem maior leveza ao look e opte pelas cores claras.

– Como é um modelo com ar mais masculino, procure combinar a calça boyfriend sempre com peças que tenham ar romântico e feminino.

– Na hora de combinar a sua calça boyfriend escolha blusas sequinhas e coladas ao corpo, como blusas de alcinha e baby looks. Assim o visual fica harmonioso e deixa a proposta muito mais interessante afinal a calça boyfriend como o próprio nome já diz tem a modelagem masculina.

– A calça boyfriend fica fantástica se combinada com uma blusa básica, preta ou branca, e colocar um acessório bem interessante para criar o movimento e harmonia ao look deixando o visual bem versátil e feminino por isso use abuse dos acessórios para compor o seu look.

– A calça boyfriend combina com saltos altos e o resultado é bárbaro. Você ainda pode usar a peça com botas country , e peep toes.

– Mas se você for alta e magra, invista numa calça boyfriend e use com sapatilhas. Você ficará ao mesmo tempo feminina, fashion e descolada.

– Outra dica é dobrar a barra da calça boyfriend para fora, deixando um palmo de jeans do avesso aparecendo. O resultado é fantástico.

Capriche nos acessórios escolha uma bolsa grande, arrase nas bijouxs e deixe o look o mais feminino possível e arrase por onde quer que você vá …

Como Ter Cabelos Longos e Lindos?

Cabelos longos são sempre sensuais? Uma linda mulher, com uma madeixa longa, voluptuosa e brilhante deslizando, provocando sensualmente. Mas na vida real é uma cena relativamente rara. Se uma mulher é abençoada com um cabelo saudável, cheio de vitalidade, brilho e atração sexual quando for longo, é considerada como uma personificação da feminilidade, fertilidade e beleza.

Ao contrário dos filmes, se o cabelo longo não tiver um cuidado especial de alto padrão, pode ficar fraco, fino, seco, sem atrativos e definitivamente tornar-se um cabelo pouco sensual. Porque para o cabelo longo ser considerado sensual, ele requer uma boa manutenção; há muitas dicas, passos e conselhos disponíveis para se obter um cabelo longo e sensual.

Se você estiver determinada a ter realmente um cabelo longo, há certos estilos que podem dar às madeixas a vivacidade e vida que elas necessitam. Cabelos longos podem parecer “ótimos” quando são repartidos no meio, que é o modo que o cabelo longo tende a cair naturalmente.

Usar o cabelo caindo do lado pode eliminar a impressão de finos e opacos. Repartir o penteado do cabelo longo de lado pode acentuar os olhos e a bochecha. Não tenha receio de experimentar acessórios “para realçar” o cabelo longo e se colocar uma presilha bonita do lado você ficará elegante, feminina e te ajudará a ficar com um cabelo longo sensual.

Uma das grandes vantagens que o cabelo longo tem em relação aos cortes de cabelos mais curtos é a quantidade de opções diferentes disponíveis de penteados. Há algo muito sensual em um rabo-de-cavalo longo, volumoso e brilhante caindo nas costas de uma mulher.

Experimente colocar o rabo-de-cavalo em alturas diferentes. Coques e franjas caídas dão uma elegância chic e tendem a dar ao rosto um pouco de vitalidade erguendo-o, como também ajudam na meta de alcançar um cabelo longo sensual.

O formato de seu rosto, sua aparência, textura e espessura do cabelo, cor dos olhos e tom da pele precisam ser considerados ao decidir qual estilo combinaria com um cabelo longo sensual. O estilo de vida também é muito importante. Quais são as suas disponibilidades de tempo?

Você tem a habilidade de seu cabeleireiro para manter o mesmo estilo com que saiu do salão? Economicamente você pode manter suas madeixas longas? Personalidades e carreiras também entram na equação. Madeixas longas e onduladas são adequadas para mulheres de negócios que competem com homens?

Cabelos longos até embaixo são práticos para mulheres, com profissões de médicas, ou em uma cozinha? A sensualidade não está somente em ser agradável esteticamente aos olhos, mas o realismo e o bom senso precisam prevalecer. Ninguém quer uma sopa com cabelo, não importa o quão sensual a mulher que está servindo seja.

Cabelos longos exigem mais cuidados e atenção para mantê-los do que cabelos curtos. Simplesmente o fato de deixá-lo crescer, lavá-lo várias vezes na semana, e escová-lo todas as manhãs não te assegurará uma cabeleira longa e sensual. Há vários passos que você pode seguir que a ajudarão a conservar uma cabeleira sensual de madeixas longas e generosas.

Porque cabelo longo é mais propenso a quebras e pontas duplas, não o escove enquanto ainda estiver molhado. Se você o pentear use um pente de dentes largos para minimizar as chances de quebrá-los…

Só mais um site WordPress