Nada mais feminino que uma delicada lingerie. Rendas, transparências e babados fascinam os homens. Quando bem escolhida, a roupa íntima realça as curvas e delineia o corpo valorizando os pontos positivos.

O segredo é levar em conta a estrutura física, a cor da pele e o estilo pessoal. É preciso imprimir naturalidade mesmo dentro de uma peça poderosa e cara. Com relação às cores, a oferta é inesgotável. Por isso é bom saber que o contraste do tecido com a pele costuma causar alvoroço. Saiba como usar as cores para conseguir aquilo que quer:

Preta – Tem o dom de fazer seu amor ficar babando por você;

Branca – Destaca aquele mega bronzeado;

Rosinha – Tem o poder de criar uma atmosfera romântica e inocente;

Vermelha – Faz a noite pegar fogo;

Nude – Te dá ares de mulher rica e poderosa;

Colorida – Trás um clima de descontração e jovialidade;

Estampas de onça – Ótima pedida para um bom striptease;

Fio dental – Uma noite quentíssima, daquelas de arrasar;

Espartilhos e corpetes – Faz o homem se render aos seus encantos.

No Brasil, as peças preferidas são as menores, sendo o fio-dental o campeão absoluto. As vezes, as próprias mulheres têm preconceito com as microcalcinhas, porém acabam levando para a casa , afinal,  e o efeito entre quatro paredes é avassalador.

Corpetes e tangas com detalhes transparentes também tiram qualquer um do sério. O jogo de esconde e mostra é simplesmente irresistível e atiça a imaginação masculina. Para transmitir poder, vá de preto. Calcinhas e sutiãs brancos ou claros remetem à ingenuidade das moças. Vinhos e vermelhos são para as ousadas e cheias de más intenções.

Comprar peças adequadas para a silhueta é imprescindível. Não adianta nada estar de sutiã de oncinha se ele deixa o peito amassado. E, claro, boa dose de atitude só faz bem: uma camiseta branca marcando os seios, cabelos molhados e fio dental de renda é produção matadora e descontraída.

Para não Errar

Apostar no espartilho: É verdade que o espartilho modela a cintura e deixa o corpo mais bonito. Porém você precisa comprar a peça do tamanho certo,  ou as gordurinhas vão saltar aqui e ali.

Arriscar um fio-dental: Se a ideia é surpreender com um belo fio-dental ao fim da noite, você pode levá-lo numa nécessaire. Pode ser bem desconfortável se jogar numa pista de dança ou relaxar durante um jantar com uma peça tão apertadinha.

Ousar com peças vermelhas: Nem todos os homens curtem lingerie vermelha. A cor assusta boa parte da ala masculina. Vale sacar o gosto do gato antes de fazer a diabinha.

Usar animal print: Preferia as peças mais modernas e com estampas em detalhes estratégicos. Lacinhos coloridos “quebram” o peso das oncinhas e zebrinhas. Pegue leve na maquiagem e use salto alto.

Desfilar de sunquini: O sunquini é uma graça. De quebra, disfarça o culote e modela o bumbum. Para não ficar com cara de “vovó”, evite tons de bege e ouse nas estampas. Vale brincar com desenhos lúdicos e citações divertidas.

E assim, você leva o gato a loucura e terá uma noite MARAVILHOSA, tire a prova você mesma…